Ministro senegalês dos Negócios Estrangeiros visita Mauritânia

Nouakchott- Mauritânia (PANA) -- O ministro de Estado, ministro dos Negócios Estrangeiros do Senegal, Cheikh Tidiane Gadio, chegou a Nouakchott domingo à tarde, na sua segunda visita em 10 dias à capital mauritana no quadro da mediação do Presidente senegalês, Abdoulaye Wade, para reconciliar os actores políticos neste país, soube a PANA de fontes oficiais.
A nova viagem do chefe da diplomacia senegalesa inscreve-se na mediação iniciada pelo Presidente Abdoulaye Wade para resolver a crise política e institucional prevalecente na Mauritânia desde o golpe de Estado militar de 6 de Agosto de 2008.
O ministro senegalês dos Negócios Estrangeiros deverá encontrar-se com os diferentes protagonistas, particularmente as forças políticas opostas ao golpe de Estado, a Coligação das Forças Democráticas (RFD) e a Frente Nacional para a Defesa da Democracia (FNDD).
Gadio tinha se deslocado a 27 de Março último a Nouakchott e foi recebido em audiência pelo chefe do Alto Conselho de Estado (HCE) no poder desde o golpe de Estado, o general Mohamed Ould Abdel Aziz.
A junta anunciou, como solução para sair desta crise política, a organização de eleições presidenciais a 6 de Junho de 2009.
A FNDD e a RFD rejeitam a agenda "unilateral" das autoridades militares.

06 Abril 2009 09:27:00




xhtml CSS