Ministério Público recorre da anulação da pena de morte contra blogueiro mauritano

Nouakchott, Mauritânia (PANA) – O Ministério Público mauritano interpôs um recurso em cassação contra um acórdão do Tribunal da Relação de Nouadhibou, no norte do país, que anulou quinta-feira uma pena de morte contra o blogueiro Mohamed Ould ‘M’kheitir.

Numa declaração emitida sexta-feira, o Ministério Público refere que a decisão em questão foi proferida contra o seu pedido "bem fundamentado" para a confirmação da pena capital contra blogueiro.

O jovem blogueiro tinha sido condenado à morte por « apostasia » pelo Tribunal Penal de Nouadhibou, em janeiro de 2014.

O tribunal de recurso da mesma cidade requalificou os factos como « sacrilégio », mantendo contudo o mesmo veredito pronunciado em abril de 2016.

Por seu turno, o Tribunal Supremo ordenou a retomada do julgamento pela mesma jurisdição composta por novos magistrados, a 31 de janeiro de 2017, com o objetivo « de corrigir erros ».

-0- PANA SAS/BEH/FK/IZ 10nov2017

10 Novembro 2017 16:17:05


xhtml CSS