Militar espanhol da Missão Europeia morto em acidente de viação no Mali

Bamako, Mali (PANA) – O fuzileiro naval espanhol Antonio Carrezo Jimènez, que participava na Missão Europeia de Formação do Exército Maliano (EUTM Mali),  faleceu sexta-feira num acidente rodoviário ocorrido em Samadougou, a 40 quilómetros de Sévaré, na província de Mopti (centro do Mali), soube a PANA junto da EUTM.

Dois outros soldados espanhóis que estiveram a bordo do carro em que ele seguia ficaram feridos, enquanto o quarto ocupante espanhol saiu ileso do acidente.

Eles foram todos transferidos para o quartel de Koulikoro, onde se situa o campo de formação da EUTM Mali e a maior parte do destacamento  espanhol na província.

O seu cortejo voltava de uma missão de apoio ao Exército maliano no Centro do Mali exposto à insegurança como o norte do país.

De 27 anos de idade, Antonio Carrezo Jimènez, era oriundo de Dos Hermanas (Sevilha). Ele era membro do segundo batalhão de Desembarque da Infantaria Naval, baseado em San Fernando (Cádiz), e é a 60ª  vítima da missão europeia no exterior da Europa, segundo a EUTM.

A EUTM Mali, em serviço há cinco anos, viu muito recentemente o seu mandato prorrogado por dois anos e alargado para envolver o apoio ao G5 Sahel e realizar cada vez mais atividades descentralizadas nos diferentes pontos onde está baseado o Exército maliano.

Ela deve nomeadamente estabelecer uma base permanente de formação em Sévaré.

A Espanha, com um total de 292 soldados, dos quais 60 fuzileiros navais, fornece uma boa parte do efetivo da missão europeia no Mali dirigida pelo brigadeiro espanhol Enrique Millán  Martínez, desde 30 de janeiro último.

-0- PANA GT/IS/SOC/FK/IZ 20maio2018

20 Maio 2018 12:08:46


xhtml CSS