Mauritânia presente na 20ª edição do Salão do Livro magrebino francófono de Paris

Nouakchott, Mauritânia (PANA) – A Mauritânia participará na 20ª edição do Salão do Livro Magrebino Francófono de Paris (França), prevista para 7 a 9 de fevereiro corrente, soube a PANA de fonte segura.

Esta reunião, em que a Mauritânia será representada por um escritor jornalista mauritano, M’Bareck Ould Byrouckpelo, é um vasto fórum de trocas sobre a literatura francófona do Magrebe, com a participação de várias centenas de especialistas provenientes de França, do Magrebe e dos Estados Unidos, de acordo com a fonte.

O encontro permite nomeadamente consultar edições francófonas mais recentes do espaço magrebino.

A manifestação, a decorrer nas instalações do Conselho Municipal da cidade de Paris,  é o maior encontro literário da literatura magrebina francófona.

Será marcada por conferências/debates, seminários de trocas e  leituras de textos, de acordo com M’Bareck Ould Byrouck para quem, globalmente,  «é dinâmica a produção literária francófona no Magrebe, com nomeadamente a multiplicação recente de editoras na Argélia".

Porém, ele deplorou, numa declaração à PANA, "o fato de que, neste domínio, a Mauritânia está em atraso».

Apelou consequentemente à «mobilização de todos os atores para se dar um novo sopro à francofonia no país”.

M’Bareck Ould Beyrouck foi laureado do Prémio da Literatura Magrebina Francófona em 2007, pela sua obra « Le ciel a oublié de pleuvoir » (O Céu Esqueceu de Chover » que descreve «a revolta duma escrava  contra um líder de tribo » numa tentativa inédita de perturbação duma ordem social multissecular.

Este escritor-jornalista, originário do norte da Mauritânia, é o primeiro diretor de publicação dum órgão de imprensa privado no país, designadamente o mensal « Mauritanie Demain » (Mauritânia amanhã) criado em 1988.

-0- PANA SAS/TBM/IBA/FK/DD  05fev2014

06 Fevereiro 2014 10:44:44


xhtml CSS