Mauritânia obtém 600 mil euros de França para luta contra HIV/Sida

Nouakchott, Mauritânia (PANA) – O Governo francês, por intermédio da Cruz Vermelha, decidiu conceder um apoio financeiro de 600 mil euros à luta contra o HIV/Sida na Mauritânia, anunciou a Embaixada de França em Nouakchott, num comunicado transmitido esta sexta-feira à PANA.

Esta ajuda financeira vai servir no quadro « do apoio nutricional e da assistência aos doentes despistados controlados num Centro de Tratamento Ambulatório (CTA) de Nouakchott".

Cerca de três mil 300 indivíduos afetados pelo HIV/Sida foram despistados e estão a ser tratados na Mauritânia graças aos cuidados do CTA, segundo cifras oficiais fornecidas pelo Ministério da Saúde em dezembro de 2010.

Pelo menos 90 porcento dos casos de transmissão do HIV/Sida « fazem-se por via sexual, a um ritmo anual de 50 novos casos », indicam as mesmas estatísticas.

As mulheres infetadas pelo vírus da sida representam 49,8 porcento dos casos.

O tabú em torno da doença do HIV/Sida na Mauritânia  foi tem sido progressivamente levantado, permitindo a despistagem e uma melhor tratamento das pessoas afetadas.

-0- PANA SAS/TBM/FK/IZ 25março2011

25 Março 2011 15:43:39


xhtml CSS