Mauritanas chamadas a lutar contra corrupção e má gestão

Nouakchott- Mauritânia (PANA) -- O Presidente mauritano, Sidi Mohamed Ould Cheikh Abdallahi, convidou as suas concidadãs a empreenderem uma campanha global de luta contra a corrupção e a má gestão com vista a contribuir activamente para a reforma da sociedade.
Falando quinta-feira à tarde em Nouakchott durante uma audiência concedida à Rede das Mulheres Ministras e Parlamentares, Cheikh Abdallahi saudou "a experiência das mulheres em matéria de gestão dos fundos públicos".
O estadista mauritano sublinhou igualmente o seu "nível elevado de firmeza que teve um impacto sobre a realização de projectos que lhes foram confiados".
Com base na especificidade "complexa" árabe, africana e islâmica da mulher mauritana, o Presidente Abdallahi apelou às mulheres do seu país para juntarem "a racionalidade " da gestão dos seus lares à dos assuntos públicos.
Este encontro do chefe do Estado da Mauritânia com a Rede das Mulheres Ministras e Parlamentares entra no quadro dos preparativos do Dia Internacional das Mulheres que a ser celebrado sábado próximo, 8 de Março.
Esta organização feminina é composta por 40 ministras, por deputadas e por senadoras.

07 Março 2008 17:33:00




xhtml CSS