Manifestações do carnaval guineense começam este sábado

Bissau- Guiné-Bissau 28 Fev.
(PANA)
-- O carnaval, considerado  como a maior manifestação popular dos guineeses, começa este sábado até quarta-feira próxima, soube a PANA de fonte segura em Bissau.
A manaifestação decorre este ano sob o lema " fazer crescer valores da nossa cultura" e a sua organização é assumida pelo Conselho Nacional da Juventude (CNJ).
Segundo uma fonte ligada a esta estrutura juvenil, trabalham na organização do carnaval 2003, várias sub-comissões, que já montaram uma máquina que, assim vai garantir um "carnaval que permita cimentar ainda mais, os laços que unem os guineenses".
Como todos os anos, músicas e danças tradicionais, desfiles de grupos mascarados e conursos de raínha do carnaval preenchem o programa estabelecido pelo CNJ.
O carnaval, também conhecido por festa do Entrudo no calendário litúrgico, é um tempo de folia que precede à Quarta-Feira das Cinzas.
A partir deste dia inicia-se o período da Quaresma, que culminará 40 dias depois com a Páscoa.
Esta sexta-feira algumas manisfestações do carnaval tiveram incício nas diferentes escolas e jardins infantis do país.
Sobre o carnaval, o Director-Geral da Cultura José da Cunha disse a PANA estar preocupado, pois "o governo ainda não disponibilizou quaisquer fundos para a organização do evento, tal como havia prometido".
Mesmo assim, o Director-Geral da Cultura apelou ao civismo dos guineenses durante o desenrolar desta festa.
Com o carnaval à porta, foi inaugurado esta quinta-feira em Bissau, mais um espaço de cultura, denominado "AFRODIT" (Associação Africana para a Diculgação do Turismo) que promete ser um centro para melhor divulgar a cultura africana.
  A AFRODIT, segundo o seu proprietário Nelito Taborda, será uma casa "típicamente cultural que tenciona valorizar todos os objectos culturais da Guiné, incluindo peças de vestuário".

28 Fevereiro 2003 16:06:00


xhtml CSS