Manifestação em França contra violências em Darfur

Paris- França (PANA) -- Uma manifestação destinada a denunciar as violências registadas desde Fevereiro de 2003 em Darfur (oeste do Sudão) atormentada por uma rebelião armada será realizada sábado em Paris, soube sexta-feira a PANA junto dos seus organizadores.
"Urgência Darfur.
.
.
Reajam.
Não Esperemos que Seja Demasiado Tarde" será um dos lemas da manifestação, segundo os seus promotores que consideram a situação na província ocidencal do Sudão como "primeiro genocídio do século XXI".
Os organizadores, entre os quais responsáveis associativos, políticos e artistas, dizem desejar "quebrar a lei do silêncio que pesa em Darfur e que tem por consequência a morte, a cada 10 minutos, duma criança, dum homem ou duma mulher".
A marcha de sábado será a segunda sobre Darfur organizada em dois meses na capital francesa, após uma primeira manifestação que reuniu no adro da Igreja de Madalena milhares de pessoas.
Cerca de 300 mil pessoas foram mortas em três anos em Darfur em violências que envolvem o Exército governamental sudanês, as milicias árabes Janjawids e três organizações rebeldes, incluindo o Movimento para a Justiça e Igualdade (MJE).

15 Setembro 2006 09:46:00




xhtml CSS