Mandato de Parlamento líbio termina em agosto próximo, diz Governo

Tripoli, Líbia (PANA) – O mandato do Parlamento Líbio termina em agosto próximo, depois de  iniciado a 4 de agosto de 2014, anunciou terça-feira em Tobrouk, no leste do país, o presidente da referida instituição, Aguila Saleh.

Um novo Parlamento deve ser eleito para pôr termo à divisão institucional do Estado líbio, indicou Saleh, apelando aos membros da Câmara Legislativa para trabalharem com urgência a fim de aprovarem leis das eleições parlamentares e presidenciais.

Esta declaração do presidente do Parlamento líbio foi formulada durante uma sessão plenária realizada terça-feira na sede da instituição na cidade de Tobrouk, na presença do segundo vice-presidente, Hmeid Houma, e de vários deputados convocados para discutir sobre a transferência do Parlamento para a cidade de Benghazi, no leste.

Saleh afirma que a transferência do Parlamento para a cidade de Benghazi « necessita da presença dos membros da Câmara dos Representantes de todas as províncias da Líbia a fim de se consultarem e tomarem disposições necessárias em todos os sentidos », segundo o conselheiro em comunicação para a  Presidência da Câmara dos Representantes, Fathi Abdelkarim Al-Mreimi.

Al-Mreimi acrescentou que Aguila Saleh sublinhou a necessidade para o Parlamento de tomar as medidas necessárias a fim de organizar eleições legislativas e presidenciais brevemente porque o mandato de quatro anos do Parlamento atual termina em agosto próximo, o que, frisou, constitui a duração do mandato geralmente dos parlamentos em várias regiões do mundo ».

Assinalou que « as negociações e as discussões durante as sessões do diálogo, do início até ao momento, não deram resultados esperados para o cidadão líbio ».

Saleh acrescentou que «as divisões são constatadas a nível de todos os órgãos dos poderes legislativo, executivo e das finanças que exigem eleições rápidas para satisfazerem as aspirações do povo líbio.

A seu ver, o processo vai permitir a todas as partes envolvidas assumirem as suas responsabilidades para organizarem as eleições e assim salvarem a pátria e os cidadãos ».

-0- PANA BY/IS/SOC/FK/DD  23maio2018

23 Maio 2018 15:26:51


xhtml CSS