Mali introduz Rotavírus no seu Programa Alargado de Vacinação

Bamako, Mali (PANA) – O Mali acaba de introduzir a vacina Rotavírus no seu Programa Alargado de Vacinação (PAV) para proteger as crianças de zero a 11 meses de idade contra as diarreias   responsáveis por numerosas mortes para os recém-nascidos neste país da África Ocidental.

Com efeito, segundo as estastísticas oficiais, no Mali, as diarreias representam, após o paludismo, a segunda causa de morte para as crianças.

A taxa de mortalidade infantil devida ao Rotavírus é de 320 mortes por 100 mil crianças.

A primeira etapa da campanha de imunização vai envolver o distrito de Bamako onde a vacina contra o Rotavírus, administrado em três doses, será inoculado por via oral a uma população identificada de 23 mil petizes.

A campanha será depois alargada em 2015 às oito capitais regionais e, em 2016, a vacina será dada a todas crianças de zero a 11 meses idade.

A dose da vacina custa cinco dólares americanos (cerca de dois mil 500 francos CFA).

A Aliança global para a vacina e Imunização (GAVI) mobilizou cerca de 725 milhões de francos CFA (um milhão e 450 mil dólares americanos) para a aquisição das doses da vacina a favor das crianças identificadas da capital maliana.

-0- PANA GT/JSG/IBA/FK/IZ  fev2014

06 février 2014 17:25:10




xhtml CSS