Magistrados prosseguem greve no Burundi

Bujumbura , Burundi (PANA) – Os magistrados do Burundi, em greve desde segunda-feira, decidiram prolongar o seu movimento até finais de setembro corrente, se nenhum acordo for concluído entre o Sindicato dos Magistrados do Burundi (SYMABU) e os poderes públicos sobre uma série de reivindicações, soube-se de fonte sindical em Bujumbura.

Segundo o presidente deste sindicato, Claude Kabera, as reivindicações envolvem, entre outros, a aplicação integral do estatuto dos magistrados reclamado há 11 anos,  o desbloqueio da carreira dos magistrados ou ainda a independência da magistratura.

Negociações abertas quinta-feira não culminaram em compromissos satisfatórios para os magistrados que registam o seu segundo movimento de greve desde o início do ano de 2011 pelas mesmas razões.

-0- PANA FB/SSB/FK/IZ 25set 2011

25 Setembro 2011 10:13:47


xhtml CSS