Líbia impõe recolher obrigatório em Zlitin

Tripoli, Líbia (PANA) – As autoridades líbias anunciaram esta segunda-feira a imposição dum recolher obrigatório noturno na cidade de Zlitin, a 180 quilómetros a leste de Tripoli, devido à deterioração das condições de segurança.

A força do “Escudo da Líbia” da zona centro, uma brigada que depende do Ministério da Defesa, pediu aos habitantes de Zlitin para se abster de circular desde à meia-noite (22 horas TMG) até de manhã, estabelecendo números telefónicos de socorros na sequência do aumento de sequestros e assalto sob a ameaça de armas.

Com esta decisão, Zlitin torna-se na segunda cidade líbia a impor esta medida após Sebha (sul), enquanto outras cidades tais como Benghazi e Derna registam problemas de segurança mais graves com recorde de assassinatos e de sequestros.

A maioria das cidades líbias registam caos em termos de segurança marcado por uma criminalidade com armas de fogo muito frequentes no país. Cerca de 22 milhões de armas estariam nas mãos da população civil.

Benghazi  registou, desde a destituição do regime de Muamar Kadafi em 2011, o assassinato de mais de 200 pessoas, das quais vários militares, polícias e militantes políticos bem como cidadãos  estrangeiros.

Os serviços de segurança não conseguiram deter os autores destes crimes. Face a esta situação, um movimento de desobediência civil foi lançado a 6 de março último em Benghazi para protestar contra a insegurança na cidade e ele alargou-se a  várias outras cidades do país.

O Conselho Local da cidade de Zlitin pediu ao Governo e aos órgãos de segurança para cumprir as suas promessas relativas à instauração da segurança.

-0- PANA/BY/BEH/FK/TON 14abril2014

14 Abril 2014 17:16:09


xhtml CSS