Líbia acolhe reunião de ministros dos NE da CEN-SAD

Tripoli- Líbia (PANA) -- Uma reunião consultiva dos ministros dos Negócios Estrangeiros dos países membros da Comunidade dos Estados Sahelo-Sarianos (CEN-SAD), consagrada à harmonização das posições da organização regional sobre a criação dum governo federal africano cuja proclamação poderá acontecer durante a 12ª cimeira ordinária da União Africana (UA) prevista para o início de Fevereiro próximo em Addis Abeba, na Etiópia.
Este encontro de Addis Abeba consagrará um dia inteiro às discussões sobre a formação do Governo Federal Africano à luz do relatório que for apresentado pelo presidente da Comissão da UA, Jean Ping, sobre as recomendações da 11ª cimeira em Junho de 2008 em Charm El Cheikh, no Egipto.
Um dos correspondentes da PANA notou a chegada de diversos ministros dos Negócios Estrangeiros dos países da CEN-SAD à capital líbia, nomeadamente os da Eritreia, Mohamed Omar Mahmoud, do Tchad, Moussa Faki Mahamat, e do Níger, Aichatou Mindaoudou.
O secretário líbio para os Assuntos da União Africana, Ali Triki, reuniu-se, segunda-feira em Tripoli, Aichatou Mindaoudou, sobre os meios de harmonizar as posições dos dois países sobre a questão do Governo Federal Africano, enquanto instrumento executivo para realizar a complementaridade entre os países do continente africano rumo à edificação dos Estados Unidos da África.
Numa declaração à PANA, no termo desta entrevista, o chefe da diplomacia nigerina afirmou que a sua visita à Líbia se inscreve no âmbito das consultas bilaterais permanentes.
Ela disse que o seu encontro com o secretário líbio para os Assuntos da UA permitiu analisar questões de interesse comum, nomeadamente a convergência total de pontos de vista sobre todas as questões primordiais.
Triki recebeu igualmente o chefe da diplomacia eritreia, Mohamed Omar Mahmoud, com que falou da agenda do da reunião consultiva destes ministros dos países da CEN-SAD, aprazada para terça-feira de manhã bem como os preparativos para a realização da 12ª cimeira da UA agendada para o início de Fevereiro de 2009 em Addis Abeba.
A situação na Somália e na região do Corno da África bem como a coordenação dos meios susceptíveis de restabelecer a segurança e a estabilidade nesta parte do continente negro mereceram igualmente a atenção dos dois interlocutores.
Triki manteve também, no mesmo contexto, encontro, domingo último à noite em Tripoli, com o ministro dos Negócios Estrangeiros do Tchad, Moussa Faki Mahamat, que versou sobre a coordenação das posições sobre questões da agenda dos trabalhos da 14ª sessão do Conselho dos Ministros Africanos dos Negócios Estrangeiros a decorrer na capital etíope de 29 a 30 de Janeiro corrente.
O diplomata tchadiano sublinhou nessa ocasião o apoio do seu país à criação do Governo Federal Africano a ser discutida durante a 12ª cimeira da UA na metrópole etíope.

26 Janeiro 2009 20:10:00




xhtml CSS