Jonathan reafirma engajamento da Nigéria para ideais da UA

Kampala- Uganda (PANA) -- O Presidente da Nigéria, Goodluck Jonathan, declarou domingo em Kampala que o seu país continuava engajado no combate pelo alcance e pela promoção dos ideais da União Africana(UA), prometendo que ele iria trabalhar pessoalmente para a realização da visão da organização continental.
Falando durante a cerimónia de abertura da XV Sessão Ordinária dos Chefes de Estado e Governo da UA, o líder nigeriano agradeceu aos Governos e às populações dos países africanos pelas "condolências" e pelas viagens efetuadas a título individual por ocasião das exéquias do seu predecessor, Umaru Musa Yar'Adua.
Participando na sua primeira Cimeira da UA, o Presidente Jonathan sublinhou que a morte de Yar'Adua era uma grande perda para a Nigéria e para África, afirmando que o finado líder era um militante a favor do Estado de Direito, da transparência e da boa governação no continente.
Antes, o Presidente nigeriano felicitou o Presidente Jacob Zuma e o povo sul-africano por ter organizado com êxito o Mundial, afirmando que ele constituiu o "orgulho de África".
Por outro lado, o chefe de Estado nigeriano condenou o duplo atentado perpetrado a 11 de Julho em Kampala, no dia da final do Mundial, que fez pelo menos 73 mortos e vários feridos.

26 Julho 2010 11:52:00




xhtml CSS