Governo nigeriano em condições de resolver problemas de saturação de rede de telecomunicações

Lagos, Nigéria (PANA) – O Governo nigeriano têm doravante acesso à banda larga para resolver o problema da saturação da sua rede de telecomunicações e impor o conceito dum "Governo conectado" ao sistema nigeriano, anunciou segunda-feira o Guardian (diário privado).

Um acordo de parceria sobre esta matéria foi assinado entre o Governo nigeriano e Main One Cable Limited (uma empresa oeste-africana de intalação de cabos sub-marinhos). de acordo com a fonte.

O diretor da Função Pública da Federação, Oladapo Afolabi, que assistiu ao lançamento desta parceria em Abuja, a capital federal do país, observou um aspeto evolucionista do e-governo e o conceito do "governo conectado", de acordo com o jornal.

"O aspeto baseia-se na tomada de consciência de que o poder de conexão acrescido das Tecnologia da Informação e da Comunicação (TIC)  permitiu uma mudança de orientação, passando dum sistema vertical para um sistema horizontal, para interações principalmente interagências, para relações intra-agências e entre os governos", disse Afolabi, citado pelo jornal.

Ele acrescentou que o poder de conexão horizontal das TIC se posiciona como um elemento de mudanças fundamentais no modo de levar a cabo ações governamentais e através do qual os Governo fornecem serviços e estabeleciam relações com os seus cidadãos.

"O Governo conectado é doravante o tema dominante no e-governo, segundo um recente inquérito das Nações Unidas sobre o e-governo. O Governo conectado ressalta a busca duma ação global em vez da adição de várias ações criando mecanismos de governação conectados destinados a coordenar intervenções incoerentes do e-governo", disse.

Galaxy Backbone foi criada em 2006 como uma empresa nacional encarregue de assegurar a conectividade e criar uma infraestrutura das TIC para os Ministérios, os Departamentos e Agências (MDA) do Governo.

Atualmente, 300 MDA são conectados à sua rede ONEGOV.net em mais de três mil serviços da Função Pública.

Por outro lado, o sistema de cabos com fibras óticas de Main One tem capacidade para transmitir e facilitar o acesso à Internet de alta velocidade de cerca de cinco teraoctets por segundo, e a mais elevada do que a que está disponível atualmente na Europa.

O sistema vai multiplicar por dez a capacidade de conexão atualmente disponível na Nigéria, de acordo com o Guardian.

-0- PANA SB/SEG/FJG/JSG/IBA/CJB/DD     20Dez2010

20 Dezembro 2010 20:35:42


xhtml CSS