Governo guineense proíbe venda ilegal de medicamentos

Bissau- Guiné Bissau (PANA) -- O governo da Guiné Bissau proibiu a venda de medicamentos por pessoas não autorizadas, as chamadas "farmácias ambulantes", informou uma fonte sanitária.
A fonte adiantou que a Polícia foi instruída a fazer cumprir a ordem e impôr sanções não especificadas aos criminosos.
As autoridades vão realizar igualmente vistorias regulares nas fronteiras para combater o contrabando de medicamentos, bem como levarão a cabo campanhas de sensibilização para educar o público sobre os perigos da auto-medicação e a compra de remédios a comerciantes não autorizados.
Segundo observadores, a venda de remédios em locais impróprios deriva de situação económica do país, onde os preços dos medicamentos nos vendedores oficiais estão além do alcance do cidadão comum.

28 Fevereiro 2003 15:44:00


xhtml CSS