Governo botswanês promete pôr termo à penúria de medicamentos nos hospitais

Gaborone, Botswana (PANA) – O Governo botswanês prometeu resolver o problema da penúria de medicamentos em centros médicos públicos e reabilitar infraestruturas sanitárias destruídas, anunciou quinta-feira o vice-ministro da Saúde, Alfred Madigel.

Em declaração quinta-feira última uma rádio local, Yarona FM, Madigel afirmou que o seu pelouro está confrontado com dificuldades de gestão da cadeia de abastecimento, armazenamento e distribuição de medicamentos.

« Estamos bem conscientes da questão da indisponibilidade dos medicamentos nos nossos hospitais, estamos a trabalhar ativamente para os tornar disponíveis », garantiu o governante botswanês.

Madigel reconheceu igualmente que o seu pelouro faz face a um descontentamento do seu pessoal do ponto de vista salarial e das condições laborais.

« Sabemos que o nosso pessoal está  descontente. Mas tentamos encontrar soluções para os seus problemas », disse.

Uma  penúria de medicamentos foi assinalada em hospitais e em clínicas deste país da África Austral, assinala-se.

-0- PANA DRW/SEG/NFB/JSG/FK/DD  22maio2015

22 Maio 2015 09:18:52


xhtml CSS