Gbagbo recusa-se a deixar poder

Accra, Gana (PANA) - O Presidente ivoiriense cessante, Laurent Gbagbo, continua na sua residência com a sua família em Abidjan, a capital, e recusa-se a abandonar o poder, apesar dos ataques levados a cabo pelas forças fiéis a Alassane Ouattara, Presidente da Côte d’Ivoire reconhecido pela comunidade internacional.

Após as esperanças suscitadas terça-feira à noite por um iminente cessar-fogo e uma rendição de Gbagbo, o Presidente cessante recusou quarta-feira ceder o poder por considerar que ele é o Presidente eleito da Côte d’Ivoire.

Os combates retomaram quarta-feira após a pausa observada durante negociações na altura em que as forças fiéis a Ouattara atacavam a residência de Gbagbo.

No crepúsculo, as forças de Gbagbo repeliram o ataque das forças fiéis a Ouattara e a incerteza permanece.

Os habitantes de Abidjan estão refugiados nas suas casas sem eletricidade, água e provisões e
vivem momentos difíceis desde a semana passada quando as forças fiéis a Ouattara entraram na cidade para uma solução militar a esta crise política nascida da segunda volta das eleições presidenciais controversas de novembro passado no termo do qual Gbagbo e Ouattara reivindicaram a vitória.

-0- PANA MA/ASA/TBM/SOC/MAR/TON 07abril2011

07 Abril 2011 09:20:54




xhtml CSS