Gana nega alegações de adeptos requerentes de asilo no Brasil

Accra, Gana (PANA) – O Governo do Gana desmentiu com firmeza esta sexta-feira as alegações de alguns adeptos da seleção de futebol, os "Estrelas Negras", que teriam pedido asilo no Brasil com base num “conflito religioso” no país.

Num comunicado oficial, o vice-ministro ganense para Informação e Relações com a Imprensa, Felix Kwakye Ofosu, indicou que a atenção do Governo foi chamada por informações publicadas pela imprensa local e internacional segundo as quais vários cidadãos ganenses, que viajam com vistos de turistas ao Brasil, pediram asilo neste país com base em alegações de « conflito religioso ».

« O Governo afirma que a base deste pretenso pedido é completamente falsa pois nenhum conflito religioso existe no Gana. Também é interessante notar que o Gana é um dos países mais estáveis e pacíficos não apenas na sub-região da África Ocidental, mas também no continente africano”, sublinhou o comunicado.

O governante ganense afirmou que a missão do Gana no Brasil está encarregue de garantir a ligação com as autoridades brasileiras para investigar sobre este caso.  

Ele indicou a Embaixada do Brasil em Accra emitiu não apenas vistos aos adeptos patrocinados pelo Governo, mas também a particulares.

A imprensa noticiou que cerca de 200 adeptos ganenses que foram ao Brasil para assistir ao Mundial pediram asilo neste país.

-0- PANA MA/SEG/AKA/BEH/FK/TON   11julho2014

11 Julho 2014 16:01:58




xhtml CSS