França reduz tropas na RCA

Túnis, Tunísia (PANA) -  O ministro francês da Defesa, Jean Yves Le Drian, afirmou que o seu país planifica diminuir a sua presença militar na República Centroafricana (RCA) até ao fim do ano em curso, numa altura em que França trabalha para reduzir os confrontos neste país na perspetiva das próximas eleições.

Em entrevista concedida ao semanário francês "Challenges" publicada sábado, o ministro francês da Defesa precisou que "o nosso objetivo é diminuir o nível das nossas forças até o fim do ano para a seu nível de antes da crise de cerca de 300 soldados".

O Presidente francês, François Hollande, afirmou recentemente que o seu país poderia retirar as forças na RCA "imediatamente depois das eleições dum Presidente neste país".

França enviou 900 soldados à RCA depois de dois mil soldados franceses serem desdobrados no país na sequência de atos de violência em 2013.

Relativamente à luta contra a organização Daesh, ele afirmou que os ataques franceses surtiram progressos inestimáveis, indicando que as forças da coligação eliminaram 22 mil combatentes terroristas graças aos raides francesas, causando ao grupo a perda de cerca de 15 porcento dos territórios que controlava.

O ministro francês da Defesa revelou, em relação à Líbia, que caba ao Governo de União Nacional sob a direção de Faiz Serradj ver se necessitar de apoio para combater a Daesh.

-0- PANA AD/IN/TBM/MAR/TON 1fev2016

01 Fevereiro 2016 15:35:36


xhtml CSS