Forças neutras discutem liberdade de circulação em Bouaké

Bouaké- Côte d'Ivoire (PANA) -- Os Estados-Maiores da Operação da Nações Unidas na Côte d'Ivoire (ONUCI) e da força Licorne (França) reuniram-se quinta-feira em Bouaké (feudo dos rebeldes a norte de Abidjan) para reflectir com as autoridades locais sobre como evitar entraves à liberdade de circulação das suas forças nesta zona, constatou a PANA no local.
"Decidimos melhorar o nosso mecanismo de concertação, avisando-os por exemplo dos movimentos dos nossos comboios mais importantes e adoptando novos comportamentos", explicou de maneira concisa o chefe do Estado-Maior da força Licorne, general Elrick Rastorza.
"Durante a nossa reunião que teve como quadro o feudo da rebelião ivoiriense, evocámos igualmente a questão do respeito pelos limites da 'zona de confiança' e pelas regras que lá prevalecem", disse.
Congratulando-se com o ambiente que reinou durante este encontro, o general Irastorza indicou que o mesmo "inscreve-se na dinâmica de desanuviamento do clima de tensão para tirar o país da crise em que se encontra presentemente".
Para o general Soumaïla Bakayoko, chefe do Estado-Maior das Forças Novas (FN, rebelião ivoiriense), a ocasião permitiu-lhes conhecer-se melhor para que não haja mais ambiguidades.
Desejou igualmente que as resoluções tomadas possam ajudar as missões das Forças Imparciais a decorrer sem obstáculos na zona sob controlo das Forças Novas.
"Esperamos que no final deste encontro, já não vão se ouvir malentendidos entre as Forças Novas e as Forças Imparciais", concluiu o general Bakayoko.

02 Setembro 2005 22:08:00




xhtml CSS