FIFA inflige a Zamalek de Egito multa de 30 mil dólares americanos

Zurique, Suíça (PANA) - O Zamalek FC do Egito foi condenado a pagar 30 mil dólares  americanos por não ter pago o salário do ex-jogador ganense, Junior Agogo, soube-se de fonte oficial.

O clube egípcio tinha, até quinta-feira última, para pagar 450 mil dólares americanos devidos a Agogo, sob pena de ser sancionado, mas não o fez o que levou a Federação Internacional de Futebol (FIFA) a intervir para lhe infligir esta multa, obrigando-o assim a satisfazer o jogador.

A sentença ocorreu depois de Agogo ter recebido uma carta da FIFA que pedia a White Knights (Cavaleiros Brancos) que pagassem seus salários em atraso, cifrados em cerca  450 mil dólares  americanos.

A FIFA alertou o Zamalek do que aconteceria se ele não pagasse os antigos Black Stars (Estrelas Negras) antes do final de novembro corrente, mas o clube desacatou o aviso.

O clube egípcio agora tem três meses para pagar todo o dinheiro devido ao jogador, sob pena de sofrer uma redução de seis pontos na Primeira Divisão.

Agogo entrou no Zamalek deixando o clube inglês Nottingham Forest em 2008, tendo no entanto rescindido o seu contrato com os Whites Knihts apenas nove meses depois, por violação de direitos.

-0- PANA VAO/MMS/DIM/DD 06dez2017


06 Dezembro 2017 09:06:54




xhtml CSS