FAO lança alerta devido a gafanhotos peregrinos na África do Norte e Ocidental

Dakar, Senegal (PANA) - A Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO) convidou terça-feira a Argélia, a Líbia, a Mauritânia e Marrocos a mobilizar rapidamente as suas equipas de luta diante da chegada provável durante as próximas semanas de nuvens de gafanhotos peregrinos do Sahel.

Nuvens de gafanhotos adultos estão presentes no Tchad e estão a formar-se no Mali e no Níger, após precipitações abundantes do Verão que favoreceram duas gerações de reprodução e desencadearam a multiplicação por 250 populações acridianas nestes países, indica a FAO num comunicado.

"Os ventos e os precedentes históricos deixam supor que as nuvens, uma vez formadas  dirigem para a Argélia, a Líbia, o sul de Marrocos e o noroeste da Mauritânia", segundo o responsável das previsões acridianas na FAO, Keith Cressman.

Ele sublinhou que estas nuvens poderão provocar danos nas pastagens e nas culturas de subsistência pluviais e ameaçam igualmente as colheitas no Tchad, no Mali e no Níger.

A FAO indica ter conseguido supervisionar de perto a situação no Níger e no Tchad, mas muito menos no Mali , tendo em conta os conflitos em curso.

-0- PANA CP/JSG/MAR/TON 23out2012

23 Outubro 2012 13:22:38


xhtml CSS