FAO ajuda Togo a relançar sua produção hortícola

Lomé, Togo (PANA) – A Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO) concedeu esta semana ao Togo uma ajuda de emergência de 490 mil dólares americanos para ajudar  o país a relançar a produção agrícola na sua parte norte afetada pela seca, soube a PANA quinta-feira, em Lomé, de fontes próximas do Ministério da Agricultura.

Esta ajuda destina-se a melhorar a cobertura das necessidades alimentares  e a diversificar as fontes de receitas das populações afetadas pela seca através do fornecimento de fertilizantes agrícolas e da aquisição de sementes hortícolas.

Ela permitirá igualmente ao Ministério da Agricultura formar agentes de vulgarização chamados a trabalhar com as comunidades básicas sobre a planificação e a aplicação das estratégicas de adaptação à mudança climática e à redução dos riscos de catástrofes, indica a fonte.

Nas prefeituras de Dankpen e de Bassar, no noroeste do país, a campanha agrícola precedente foi caraterizada por uma má repartição das chuvas, o que provocou uma diminuição significativa das produções cerealíferas e leguminosas.

O défice causado por esta seca estima-se em 45 mil 686 toneladas nestas duas prefeituras e levou o Togo a solicitar o apoio da FAO no quadro do projeto Assistência de Emergência ao Relançamento das atividades das famílias afetadas pela seca.

-0- PANA FAA/AAS/IBA/FK/IZ 03jan2013

03 Janeiro 2014 14:22:48


xhtml CSS