Ex-ministro maliano da Defesa nomeado medianeiro adjunto da UA na RCA

Bamako, Mali (PANA) – O ex-ministro maliano da Defesa e Antigos Combatentes, Soumeylou Boubèye Maïga, foi nomeado a 7 de julho último em nome da União Africana (UA) para o posto de medianeiro adjunto do Presidente congolês, Denis Sassou-N’Guesso, na crise na República Centroafricana (RCA), soube a PANA de fonte segura.

Esta decisão foi tomada pelos participantes na quinta reunião do Grupo Internacional de Contacto sobre a Crise Centroafricana realizada recentemente em Addis Abeba, na Etiópia.

No cumprimento desta missão, Soumeylou Boubèye Maïga, de 60 anos, vai efetuar regularmente missões na sub-região para a organização dum Fórum para a Reconciliação e Diálogo Político na RCA previsto de 21 a 23 de julho corrente em Brazzaville.

A União Africana (UA) conta com Soumeylou Boubèye Maïga, dotado duma rica experiência política e diplomática, para restabelecer a paz na República Centroafricana fragilizada pela crise.

Nascido em Gao a 8 de junho de 1954, Soumeylou Boubèye Maïga foi jornalista de profissão formado no Centro de Estudos de Ciências e Técnicas da Informação (CESTI) da Universidade de Dakar (Senegal).

Ele obteve sucessivamente em 1987 um Diploma de Estudos Superiores Especializados (DESS) em Diplomacia e Administração das Organizações Internacionais na Universidade Paris-Sud e um Diploma de Relações Económicas no Instituto Internacional de Administração Pública (IAP) de Paris.

Militante do Partido Maliano do Trabalho (PMT), formação política clandestina durante o regime do antigo Presidente Moussa Traoré, e depois da Aliança para a Democracia no Mali (ADEMA), ele é um dos principais artesões da revolução de 26 de março de 1991 no Mali.

Em 1992, ele tornou-se chefe de Gabinete do Presidente Alpha Oumar Konaré antes de assumir em 1993 a direção da Segurança de Estado. Nomeado em 2000 ministro da Defesa e  Antigos Combatentes no último Governo do Presidente Alpha Oumar Konaté, ele candidatou-se em 2007 às eleições presidenciais ganhas na primeira volta pelo general Amadou Toumani Touré.

Presidente do Observatório Sahelo-Sariano de Geopolítica e Estratégia, ele assumiu também as funções de presidente do Conselho de Administração da Agência para a Promoção do Emprego dos Jovens (APEJ), de ministro dos Negócios Estrangeiros e Cooperação Internacionl de abril de 2011 a março de 2012 e de ministro da Defesa e Antigos Combatentes pela segunda vez de setembro de 2013 a junho de 2014.

-0- PANA GT/BEH/IBA/FK/TON  15julho2014

15 Julho 2014 17:52:35




xhtml CSS