Estudante morre de intoxicação alimentar na maior universidade pública do Rwanda

Kigali, Rwanda (PANA) - Um jovem estudante de Artes e Ciências Sociais da Universidade do Rwanda, em Huye (sul), morreu por intoxicação alimentar após uma refeição, no fim de semana, na cantina desta entidade académica, soube-se segunda-feira de fonte hospitalar na região.

Segundo Augustin Sendegeya, diretor do Centro Hospitalar Universitário (CHU) de Butare, a cerca de 130 quilómetros de Kigali, no sul do Rwanda, primeiro foi admitida uma dezena de estudantes domingo nas urgências devido à mesma causa.

"Embora dezenas de estudantes internados não estejam num estado crítico, as primeiras verificações efetuadas não permitiram confirmar a fonte duma eventual intoxicação alimentar", explicou.

Segundo ele, a análise dos primeiros resultados de laboratório sobre a refeição servida na cantina (domingo) confirmaram que se tratava duma doença devida à ingestão de alimento contaminado.

"Todos os jovens estudantes admitidos nas urgências foram vítimas duma intoxicação alimentar cuja origem é a refeição de meio-dia servida no mesmo dia. Segundo as últimas informações, vários pacientes estavam ainda em observação nas clínicas do CHU de Butare", acrescentou Sendegeya.

Este incidente acontece numa altura em que as condições de vida dos estudantes nas universidades públicas do Rwanda se deterioraram há alguns anos. Para maximizar as suas poupanças, alguns estudantes saídos de famílias desfavorecidas preferem ir a restaurantes comuns onde as condições de higiene são deploráveis, concluiu o responsável.

-0- PANA TWA/JSG/MAR/DD 16maio2017

16 Maio 2017 09:29:06


xhtml CSS