Estados Unidos deploram insegurança persistente e abusos em Darfur

Nova Iorque, Estados Unidos (PANA) – Os Estados Unidos declararam-se quarta-feira profundamente preocupados pelo facto de que, 10 anos após a eclosão do conflito na província ocidental sudanesa de Darfur, os habitantes desta localidade continuam a sofrer da insegurança crescente, das violações dos direitos humanos e da violência sexual.

"O conflito brutal entre as forças governamentais sudanesas, as milícias e os rebeldes, bem como o prosseguimento dos bombardeamentos aéreos e dos ataques contra as zonas civis pelas Forças Armadas Sudanesas, em violação das resoluções do Conselho de Segurança (das Nações Unidas), culminaram na morte de cerca de 300 mil pessoas, essencialmente civis desarmados", denuncia o Departamento de Estado americano.

Um comunicado transmitido quarta-feira à PANA, em Nova Iorque, sublinha igualmente que mais de dois milhões de habitantes de Darfur continuam deslocados no seu próprio país e nos países vizinhos e que inverter o ciclo da violência e da impunidade passa pela comparência em tribunal dos autores destes atos.

A nota acrescenta que os Estados Unidos estão a apoiar fortemente os esforços internacionais visando restaurar a paz, a segurança e conceder uma ajuda humanitária à população em Darfur.

« Nós apoiamos sem reservas a Missão Conjunta de Manutenção da Paz das Nações Unidas e União Africana em Darfur (MINUAD)  e pedimos um acesso imediato e sem obstáculos para as forças de manutenção da paz e dos trabalhadores humanitários a Darfur », prossegue o comunicado.

Durante a última década, lembra, os Estados Unidos forneceram mais de sete biliões 500 milhões de dólares para financiar a ajuda humanitária, a transição e os esforços de manutenção da paz a favor das populações vulneráveis de Darfur e do leste do Tchad.

Segundo o mesmo documento, o Departamento de Estado apela ao Governo sudanês e a todos os grupos rebeldes para se envolverem sem condições prévias num processo de paz eficaz e inclusivo, com base no Documento de Doha para a Paz em Darfur (DDPD) para uma resolução pacífica do conflito.

-0- PANA AA/VAO/LSA/AAS/SOC/FK/IZ 28fev2013

28 Fevereiro 2013 13:29:04




xhtml CSS