Estados Unidos condena duplo atentado a carro armadilho em Mogadíscio

Washington, DC, Estados Unidos (PANA) – Os Estados Unidos condenaram o duplo ataque terrorista perpetrado terça-feira perto do aeroporto internacional de Mogadíscio, a capital somalí, reiterando o seu engajamento de avalancar este país em direção à paz.

« Os nossos pensamentos para as famílias e amigos do povo somalí, o pessoal das Nações Unidas e da AMISOM, a missão de manutenção da paz, que foram mortos e feridos neste ataque bárbaro », declarou terça-feira o Departamento de Estado num comunicado.

« Continuamos determinados a ajudar a Somália a enveredar pelo caminho da paz e da prosperidade e erradicar grupos terroristas, nomeadamente al-Chabaab », indica o comunicado.

Várias pessoas, incluindo capacetes azuis e civis, teriam sido mortas no atentado suicida cometido terça-feira em Mogadíscio.

A Missão da União Africana na Somália (AMISOM) condenou igualmente com força o ataque terrorista ocorrido terça-feira perto do aeroporto internacional de Mogadíscio.

“A Cerca des nove horas (locais), dois carros armadilhados explodiram perto do aeroporto, fazendo alguns mortos e feridos », explicou terça-feira a Missão num comunicado de imprensa.

O representante especial da UA para a Somália, o embaixador Francisco Caetano Madeira, saudou a resposta rápida das forças de seguranças somalís e da AMISOM, que impediram os veículos de progredirem mais e repeliram finalmente o ataque.

“Madeira solidariza-se com as famílias das vítimas inocentes que perderam a vida e deseja  rápidas melhoras aos feridos », segundo o comunicado.

« Al-Chabaab está desesperadamente a busca de notoriedade e, para tal, fárá tudo para ficar na manchete da atualidade. A AMISOM vai continuar a trabalhar com as instituições de segurança somalís a fim de prevenirem atos de terror de al-Chabaab”, garantiu Madeira.

-0- PANA MA/NFB/JSG/MAR/DD 27julho2016

27 Julho 2016 12:46:18




xhtml CSS