Estadistas africanos confirmam participação na Cimeira da UA

Addis Abeba- Etiópia (PANA) -- Trinta e nove Chefes de Estado e de governo confirmaram até agora a sua participação na Cimeira extraordinária da União Africana(UA), marcada para de 3 a 5 de Fevereiro em Addis Abeba, informou terça-feira o Secretariado da organização.
A Cimeira de Durban, realizada em Julho passado, acordou em convocar uma reunião extraordinária da UA em Fevereiro, na capital etíope, para analisar as emendas propostas ao Acto Constitutivo da União Africana.
As emendas incluem os papéis e os poderes do Presidente da UA, e dos Embaixadores africanos junto da sede da organização em Addis Abeba, bem como o relacionamento entre a UA e os africanos na diáspora.
Entretanto, tal como aconteceu na cerimónia de constituição da União Africana em Durban, o líder Líbio Coronel Moammar Kadhafi é esperado em Addis Abeba com uma delegação de 400 pessoas para participar na Cimeira.
A Embaixada da Líbia em Addis Abeba reservou 300 quartos em vários hóteis para 15 dias cada no âmbito da Cimeira da UA.
Diversos gestores de hóteis confirmaram à PANA que a maioria dos quartos foram pagos e reservados para nove dias, de 27 de Janeiro a 5 de Fevereiro de 2003, para albergarem a delegação líbia.
Cerca de 300 pessoas acompanharam Kadhafi em três aviões Antonov durante a Cimeira de União Africana em Julho passado em Durban.

21 Janeiro 2003 10:41:00




xhtml CSS