Duas ONG rwandesas vencem Pémio Mundial do ambiente

Kigali, Ruanda (PANA) – Duas iniciativas não governamentais destinadas a proteger o ambiente no Rwanda serão recompensadas entre as 10 participantes no concurso “Seed” promovido pelo Programa das Nações Unidas para Ambiente (PNUA), soube a PANA segunda-feira à noite de fontes oficiais em Kigali.  

As iniciativas em causa são obra de duas Organizações não Governamentais (ONG) rwandesas que trabalham localmente na proteção do ambiente, e serão recompensadas a 15 de abril corrente com o Prémio Mundial do Ambiente para o ano 2010, indica um comunicado da agência onusina transmitido à PANA na capital rwandesa.  

Segundo a mesma fonte, as organizações que serão premiadas operam em dois setores ligados à preservação dos recursos naturais, nomeadamente um projeto de produção e distribuição de gás de alta pressão utilizado na cozinha, em substituição da lenha.
  
Uma das ONG está especializada no fabrico de caldeiras de biomassa de potência média, assim como de outros utensílios de reciclagem de fumaças em caldeiras à lenha, prossegue a nota do PNUA.

Para além do Rwanda, outras ONG africanas que serão premiadas vêm do Quénia, do Gana, do Burkina Faso, da África do Sul, do Senegal e da Uganda.

O prémio Seed é um projeto criado para descobrir os empreendendores mais promissores e inovadores do setor social e ambiental nos países emergentes e em vias de desenvolvimento, segundo fontes concordantes.

As florestas rwandesas em plena reconstituição estendem-se sobre uma superfície de 17,6 porcento  do território nacional, ou seja 435 mil hectares, segundo as estatísticas da Agência Rwandesa de Proteção Ambiental (REMA)

-0- PANA TWA/TBM/CCF/IZ 11abril2011

12 Abril 2011 04:24:59


xhtml CSS