Dois jornais suspensos na Serra Leoa

Dakar , Senegal (PANA) – Dois jornais privados, designadamente Independent Observer e Prime Time, foram suspensos pelo organismo regulador da imprensa serraleonesa, denunciou quarta_feira a Fundação da Imprensa na África Ocidental (MFWA) sediada  em Accra (Gana).

Num comunicado transmitido à PANA em Dakar, a MFWA declarou que os dois jornais foram suspensos por  não pagamento de multas impostas pela Comissão Independente da Imprensa do País (IMC).

« Em conformidade com a Lei IMC 2000, tal como modificada e a prática do Código Imprensa IMC, a suspensão dos dois jornais será aplicada até à execução completa da decisão da Comissão», declarou o organismo regulador da imprensa, citado no comunicado.

Segundo a MFWA, a suspensão devia efetivar-se a partir de 24 de fevereiro corrente.

A 11 de fevereiro corrente,  a IMC disse ter sancionado  os dois jornais  por atos considerados como uma falta de profissionalismo.

O Independent Observver recebeu uma multa de 16 milhões e 500 mil Leones (cerca de três mil e 700 dólares americanos), enquanto o Prime Times foi condenado a uma multa de três milhões de Leones (cerca de 650 dólares americanos).

Os dois jornais tiveram em seguida uma semana para pagar a multa e conformar-se com outras condições ou ser suspensos.

Entretanto, os chefes de redação do Independent Observer e do Prime Times, Jonathan Leigh e Kasho Ola Cole, respetivamente, declararam à MFWA que interporão um recurso relativamente ter já depositadoque eles depositarão  uma injunção contra a decisão da IMC no Alto Tribunal da Serra Leoa para continuar a editar notícias enquanto contestam as multas impostas aos jornais em tribunal.

-0- PANA MLJ/VAO/MTA/BEH/IBA/FK/DD 26fev2015

26 février 2015 10:59:02




xhtml CSS