Dez funcionários de organização caritativa raptados na Somália

Mogadíscio, Somália (PANA) - Dez funcionários duma organização caritativa local que operam na região de Bey, no sudoeste da Somália, aforam raptados domingo por homens armados membros do movimento rebelde e islamita dos Shebab, noticiou Kalima, rádio local.

Os funcionários que socorrem vítimas da seca rumavam para a cidade capital do país, Mogadíscio, quando foram intercetados por um grupo armado na aldeia de Dinunay, situada a cerca de 20 quilómetros da cidade de Beidoa.

Posteriormente, os filantrópicos foram conduzidos para um local desconhecido, de acordo com a fonte.

-0- PANA AD/IN/TBM/MAR/DD 17julho2017

17 Julho 2017 10:26:15




xhtml CSS