Congolesa à frente do Bureau Regional para África Ocidental da AUF

Kinshasa- RD Congo (PANA) -- Uma congolesa da RD Congo, Josette Shabi a Tshibuila, foi nomeada directora do Bureau Regional para a África Ocidental da Agência Universitária da Francofonia (AUF) com sede em Dakar, no Senegal.
Segundo um comunicado da direcção da Francofonia, o Ministério congolês dos Negócios Estrangeiros e Cooperação internacional, a que a PANA teve acesso quarta-feira, "esta nomeação é fruto do compromisso e dinamismo da RD Congo no seio desta importante instituição".
Trata-se de alguns avanços notáveis que reforçam a posição da RD Congo no seio dos diversos organismos da Organização Internacional da Franconfonia (OIF), sublinha a nota.
Tshibuila foi directora-geral do Instituto dos Museus Nacionais em Kinshasa e professora na Universidade de Kinshasa (UNIKIN).
Já lecionou igualmente na Universidade Léopold Sedar Senghor, na Universidade Livre de Bruxelas e em Paris I (França), de acordo com a mesma fonte.
O texto lembra igualmente, com orgulho, a admissão de dois novos estabelecimentos do ensino superior congoleses na AUF, designadamente o Centro Universitário de Bunia e as Faculdades Católicas de Kinshasa, assim como a admissão, em Novembro passado, da cidade de Bandundu (centro-sul do país) na Associção Internacional dos Prefeitos francófonos.
A recente eleição do reitor Kahumba da Universidade de Lubumbashi (extremo sudeste da RD Congo), para administrador da UAF junta-se ao número de conquistas do país, lê-se no documento.

08 Fevereiro 2006 21:19:00




xhtml CSS