Congo lança patrulha mista para erradicar fenómeno "bebés negros" em Brazzaville

Brazzaville, Congo (PANA) – O procurador da República junto do Tribunal de Grande Instância de Brazzaville, André Gakala Oko, lançou quinta-feira, em Brazzaville, uma patrulha mista de polícias e gendarmes destinada a erradicar o chamado fenómeno “bebés negros”, ou bandidos armados que continuam a operar na capital congolesa, constatou a PANA no local.

« Vamos neutralizar estes bebés negros e os seus cúmplices », declarou  o procurador diante dos oficiais da Polícia Judiciária, dos polícias e gendarmes, nomeadamente os comissários da Polícia e os comandantes da Legião da Gendarmaria Territorial de Brazzaville.

Segundo Gakala Oko, os bebés negros são terroristas que matam, saqueiam e violam as mulheres.  “Eles impedem os alunos de ir à escola, as mulheres de ir ao mercado para vender a mandioca. Nós vamos combatê-los por todos os meios de direito », precisou Gakala Oko, arcrescentando que « nós vamos desdobrar-nos em todo o território de Brazzaville”.

No Comissariado da Polícia de Kibéniba, no norte da capital congolesa, o procurador da República apresentou uma amostra de mais de 20 bebés negros constituída maioritariamente de jovens menores de  18 anos.

Estas patrulhas judiciárias rigorosas estão desdobradas em toda a circunscrição judicial do Tribunal de Grande Instância de Brazzaville.

-0- PANA MB/BEH/FK/IZ 11maio2017

11 Maio 2017 23:27:36


xhtml CSS