Congo desembolsa $ 14,4 milhões para saneamento de Brazzaville

Brazzaville- Congo (PANA) -- O Governo do Congo deciciu, segunda-feira, disponibilizar cerca de 14 milhões 400 mil dólares americanos para o saneamento da capital do país, Brazzaville, que vive enormes problemas de insalubridade devido à evolução demográfica.
Para o efeito, o ministro congolês da Economia, Finanças e Orçamento, Pacifique Issoïbeka, e o deputado-presidente do município de Brazzaville, Hugues Ngouélondélé, assinaram um acordo de financiamento no mesmo dia.
"Temos doravante 14 milhões de dólares.
Podemos fazer com que a cidade mude", disse Ngouélondélé, no final da cerimónia de assinatura do acordo.
O projecto de saneamento que cobre os próximos seis meses vai consisitir na recolha e tratamento do lixo doméstico em toda a cidade.
"Através deste acordo, os meios colocados à disposição do município de Brazzaville vão permitir-lhe garantir o mínimo", sublinhou Issoïbeka.
Capital do Congo, a cidade de Brazzaville foi construída para albergar uma população de 700 mil habitantes.
Hoje, conta cerca de um milhão 400 mil habitantes.
Há cerca de dois meses, o Governo executa uma operação de "municipalização acelerada", destinada a sanear e em seguida melhorar as condições dos transportes, de abastecimento em água potável e em electricidade em Brazzaville.
O custo global desta operação que vai prosseguir em 2009 está estimado em cerca de 300 milhões de dólares americanos.

30 Junho 2008 18:44:00




xhtml CSS