Conferência de Tripoli sobre Darfur obtém convergência de opiniões

Tripoli- Líbia (PANA) -- Uma grande convergência de pontos de vista sobre a necessidade de um diálogo político para fazer concluir com êxito o processo de paz no oeste no Sudão marcou domingo em Tripoli o fim dos trabalhos da Conferência Internacional sobre Darfur e os esforços visando o alcance da paz.
Os participantes adoptaram no termo dos trabalhos um documento intitulado "Consenso sobre o Processo Político de Darfur".
O ministro sudanês dos Negócios Estrangeiros, Lam Akol, o seu homólogo tchadiano, Ahmed Allami, os enviados especiais do Secretários-Gerais das Nações Unidas e da União Africana (UA) para Darfur Jan Eliasson, e Salim Ahmed Salim, bemo como os emissários da Grã-Bretanha e dos Estados Unidos para o Sudão, Christopher Frontes e Andrew Natsios, participaram neste encontro.
Salim Ahmed Salim afirmou que a reunião visava garantir "um clima de paz e serenidade em Darfur", subinhando que para a organização panafricana, a unidade e a paz são factores muito importantes para a construção e o desenvolvimento no continente africano.
O enviado da UA para Darfur apelou à comunidade internacional para se solidarizar e agir juntos face à crise de Darfur, defendendo que o princípio fundamental é ajudar na instauração da paz nesta província sudanesa.

30 Abril 2007 12:51:00




xhtml CSS