Comprimidos de "Tamiflu" e doses da vacina contra gripe suína distribuídos na Líbia

Tripoli, Líbia (PANA) – O Centro Nacional Líbio de Luta contra Doenças anunciou ter distribuído um milhão de comprimidos de “Tamiflu” para o tratamento da gripe suína a todos os hospitais da Líbia, além de 400 mil doses de vacinas contra mesma enfermidade nos centros de cuidados primários implantados em todo o país.

Num comunicado  publicado no fim de semana,  o diretor-geral do Centro Nacional de Luta contra a Doença, Badr Eddin al-Najjar, apelou a todos os hospitais para dar as « Tamiflu »  aos pacientes afetados pela gripe com uma pneumonia aguda, uma respiração difícil antes de verificar a infeção pelo vírus.

A Líbia anunciou dispor de vacinas em quantidade suficiente para cobrir as necessidaes do país em caso  duma epidemia de gripe suína da qual alguns dos casos de infeção foram registados nos últimos dias no país.

Badr Eddin al-Najjar indicou que este  vírus não representa uma ameaça à vida do paciente que pode ser curado, sublinhando que qualquer cidadão  de mais de  dois anos e meio pode efetuar uma vacinação para se imunizar contra o vírus da gripe suína.

O Centro Nacional de Luta contra Doenças anunciou a morte de uma criança e a infeção duma outra pelo vírus da  gripe suína no hospital pediátrico al-Jalla, na capital, Tripoli,  apesar de os rumores darem conta da morte, em janeiro último, de dezenas de pessoas infetadas pela doença.

-0- PANA BY/BEH/FK/IZ 08fev2016

08 Fevereiro 2016 18:21:38


xhtml CSS