Comissão da CEDEAO dá prioridade ao desenvolvimento económico regional

Monrovia, Libéria (PANA) - A nova direção da Comissão da Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental (CEDEAO) dá prioridade ao desenvolvimento económico regional, à segurança alimentar e ao desenvolvimento dos recursos humanos e das infraestruturas.

Estes pronunciamentos foram feitos segunda-feira em Monróvia, capital liberiana, pelo presidente da Comissão da CEDEAO, o Burkinabe Kadré Désiré Ouédraogo, durante um encontro com embaixadores dos países membros da organização sub-regional.

Ele indicou naquela ocasião outras prioridades como o reforço das capacidades institucionais e reformas para fazer funcionar as instituições comunitárias de maneira mais eficaz, a aplicação rigorosa do protocolo sobre a livre circulação de pessoas e bens, a facilitação do transporte aéreo na região e a aproximação da organização das comunidades através da "Visão 2020 duma CEDEAO dos povos".

"A paz e a segurança são essenciais, mas não podemos falar sobre o desenvolvimento económico se não houver a livre circulação de pessas e de bens e serviços", afirmou o presidente Ouédraogo.

Ele insistiu na necessidade de desenvolver e explorar os vastos recursos humanos da região através duma formação efetiva e na criação de "centros de excelência" para estimular o desenvolvimento económico.

Ouédraogo sublinhou igualmente os esforços feitos para a aplicação duma Tarifa Externa Comum até a 2013 e a necessidade de se concluir um Acordo de Parceria Económica Global e Mutuamente Benefíco (APE) com a União Europeia (UE).

Informou igualmente os diplomatas sobre os progressos dos esforços regionais para restabelecer a paz no Mali e na Guiné-Bissau, sobre as eleições bem-sucedidas na Serra Leoa e no Gana, bem como sobre o apoio aos países que preparam eleições na região oeste-africana.

Tomando a palavra em nome dos seus colegas, o decano do corpo diplomático da CEDEAO na Libéria, o embaixador da Guiné Conakry, Abdoulaye Dole, agradeceu ao presidente da Comissão por os ter informado sobre a evolução da situação na região.

Prometeu o seu apoio individual e coletivo à Comissão no tocante à realização dos objetivos de integração regional.

O embaixador ivoiriense na Libéria, Kapieletien Soro, exprimiu a sua gratidão a Ouédraogo pela assistência humanitária concedida aos refugiados ivoirienses na Libéria.

Estiveram igualmente presentes neste encontro os embaixadores Marie Jilo Barnett da Serra Leoa e Chigozie Obi-Nnadozie da Nigéria, indica-se.

-0- PANA SEG/FJG/JSG/MAR/DD 19dez2012

19 Dezembro 2012 14:19:04




xhtml CSS