Comandantes da Polícia e da Gendarmaria ivoirienses juntam-se a Ouattara

Abidjan, Côte d’Ivoire (PANA) – O comandante supremo da Gendarmaria Nacional  e o diretor-geral da Polícia da Côte d'Ivoire, respetivamente Edouard Kassaraté e  Brindou M’Bia ordenaram, segunda-feira aos seus elementos a pôr-se à disposição das novas autoridades políticas da Côte d’Ivoire do Presidente Alassane Dramane Ouattara.

Em declarações transmitidas pela estação televisiva oficial "Télé Côte d’Ivoire", os dois oficiais exprimiram a sua decisão de se juntar às Forças Republicanas da Côte d’Ivoire (FRCI).

Brindou M’Bia apelou aos polícias para se apresentarem às suas diferentes bases, a partir desta terça-feira, com vista a continuar a sua missão de proteção de pessoas e bens.

Por seu turno, o general Kassaraté, exortou também os gendarmes a pôr-se à disposição das novas autoridades.

Durante o anúncio da detenção do Presidente cessante, Laurent Gbagbo, segunda-feira à tarde pelas FRCI, o primeiro-ministro de Alassane Ouattara, Guillaume Soro, instou as forças ainda fiéis ao primeiro a juntar-se às FRCI.

A 31 de março último, antes da ofensiva das FRCI em Abidjan, Ouattara apelou para a adesão das forças fiéis a Gbagbo. Mas só alguns oficiais superiores e o comandante das forças terrestres,  general Détoh Letoh Firmin, se juntaram-se às FRCI.

-0- PANA BAL/AAS/SOC/MAR/IZ 12abril2011

12 Abril 2011 10:02:18




xhtml CSS