Chinês doravante ensinado na Tanzânia

Dar es Salam, Tanzânia (PANA) – A língua chinesa foi introduzida no sistema do ensino da Tanzânia com o objetivo de responder à procura do mercado local em matéria de inovação em termos de ciência e tecnologia, anunciou o Ministério tanzaniano da Educação, Ciência, Tecnologia e Formação Profissional.

O ensino do chinês arrancou em janeiro último em seis liceus pilotos e 12 professores de chinês recrutados na China acabam de terminar um curso sobre a metodologia do ensino na Tanzânia, de acordo com a fonte.

« Só dominando a língua chinesa que os nossos meninos e as nossas meninas serão capazes de adquirir conhecimentos e competências graças a bolsas oferecidas todos os anos pelo Governo chinês”, explicou o secretário permanente adjunto desta instituição, Leonard Akwilapo, por ocasião do lançamento oficial deste programa no fim de semana passado.

« Queremos ter um maior número de professores que vão substituir os voluntários quando forem embora”, disse o responsável, sublinhando que o Instituto Confucius da China já organiza programas de formação de docentes da língua chinesa em três universidades tanzanianas, designamente de Dar es Salam, de Morogoro e de Dodoma.

Gao Wei, conselheiro cultural da Embaixada da China em Dar es Salam, garantiu que um programa duradouro de formação de professores locais vai começar brevemente.

As outras línguas estrangeiras ensinadas nos liceus e instituições de ensino superior na Tanzânia são o inglês, o francês e o alemão, acrescentou.

-0- PANA AR/MA/NFB/JSG/MAR/DD 29fev2016


29 Fevereiro 2016 14:31:46


xhtml CSS