Cheias atingem sétimo distrito no Malawi

Blantyre- Malawi (PANA) -- Pelo menos 3,000 famílias das montanhas do distrito nordeste de Rumphi no Malawi ficaram sem tecto, na sequência das cheias devastadoras durante o último fim-de-semana, disse segunda-feira um alto funcionário governamental.
O comissário do Distrito de Rumphi, Rodney Simwaka, disse que as enchentes destruíram igualmente mais de 3,000 hectares de campos cultivados.
Contudo, não houve ferimentos nas cheias em Rumphi, o sétimo distrito a sofrer as consequências das enchentes provocadas por um cilcone.
Isto acontece apenas dias após o Presidente Bakili Muluzi ter declarado o "estado de catástrofe" no país, depois de seis distritos terem sido devastados pelas enchentes que provocaram a morte de sete pessoas, milhares de sem tectos e vários hectares de terras cultivadas e propriedades destruídas.
Rumphi, o último distrito a ser afectado pelo Ciclone Delphina, é famoso pelas suas ricas colheitas de café e tabaco.
A região produz também grande parte do milho e feijão, bananas e batata doce utlizados no consumo nacional.
Simwaka disse que as colheitas estavam a correr bem até que as enchentes destruíram a maior parte delas, suscitando alarmes quanto a uma nova onda de grave carência de alimentos que as populações aguardam para este ano.
"Se nada for feito rapidamente, haverá um desastre (de fome) de proporções incalculáveis no distrito", advertiu.
As chuvas têm estado a cair no distrito durante cinco dias consecutivos, causando pesadelos nos transportes uma vez que várias estradas estavam inundadas e a pontes enfraquecidas.
O Comissário do Distrito e um grupo de jornalistas que visitaram a área inundada estiveram retidos várias vezes ao longo do caminho, devido aos estragos nas estradas.
Disse que a maior parte dos quase 10,000 deslocados estão acampados em escolas e igrejas, estando também muitas delas sem tectos e inunundadas.
O Comissário dos serviço de Socorrro e Reabilitação, Lucius Chikuni, disse a PANA que enquanto o seu departamento estava já a transportar alimentos e tendas de plástico para as seis regiões que haviam previamente sido declaradas "áreas de catástrofe", os seus funcionários vão visitar Rumphi para avaliar a extensão dos danos.
A assistência à área será dada após este exercício, acrescentou.

13 Janeiro 2003 11:07:00


xhtml CSS