Capital cabo-verdiana acolhe 10ª edição do Kriol Jazz Festival

Praia, Cabo Verde (PANA) – A 10ª edição do Kriol Jazz Festival (KJF), um certame musical que visa trazer à capital cabo-verdiana músicos de todos os continentes e promover os artistas de Cabo Verde além-fronteiras, arrancou oficialmente quinta-feira à noite, apurou a PANA na cidade da Praia.

Criado em 2009, o KJF nasceu de uma ideia do produtor musical cabo-verdiano José (Djô) da Silva, residente em França, onde foi o principal responsável pela carreira internacional da cantora Cesária Évora,  tida como expoente máximo da música cabo-verdiana.

O KJF, realizado em parceria com a Câmara  Municipal da Praia, tem como objetivo promover a música de inspiração crioula, juntando no palco artistas cabo-verdianos com grandes nomes de África, Europa, Américas e Caraíbas.

Sobre esta 10ª edição, Djô da Silva mostrou-se satisfeito com a abertura do certame que teve no palco dois grupos musicais homenageados, ou seja, "Os Tubarões" e "Os Bulimundo".

“A abertura foi muito boa. Nada melhor do que ter os Tubarões e Os Bulimundo na abertura, que são duas grandes bandas. O lugar está cheio, com muito público e um bom ambiente”, afirmou em declarações à agência cabo-verdiana de notícias (Inforpress).

O produtor musical perspetiva “grandes shows” nesta edição do KJF, já que as próximas duas noites já estão esgotadas, esperando que “musicalmente” tudo possa correr bem.

Já o presidente da Câmara Municipal da Praia, Óscar Santos entende que o KJF é um dos melhores festivais de música do mundo e que confirma a evolução,  a prosperidade e a notoriedade da cultura musical de Cabo Verde, além fronteiras.

O edil recorda que esta edição do KJF acontece meses depois de a Cidade da Praia, que este ano celebra 160 anos da sua elevação à categoria de cidade, ser aceite na Rede de Cidades Criativas da UNESCO, no tema Música, passando a ser a segunda cidade africana e a 19ª a nível mundial a pertencer à rede.

Apesar de a abertura oficial do festival ter sido na noite de quinta-feira, o  KJF arrancou no dia 14 de abril, na Zona Kriol, no bairro da Várzea, onde atuaram os Cabo-verdianos Hilário Silva e Wilson Silva e a Brasileira Fávia Coelho.

Na noite de quinta-feira, 19, foi a vez dos homenageados, Os Tubarões e Os Bulimundo, dois dos mais famosos grupos musicais cabo-verdianos, fundados nos primeiros anos da independência de Cabo Verde e que, após algum tempo inativos, estão de regresso aos palcos no país e no estrangeiro.

Para esta sexta-feira, 20, vão subir ao palco do KJF, Mário Lúcio (Cabo Verde), Nathalie Natiembé (Reunião), Stanley Jordan e Thunder Duo (EUA) e Seu Jorge (Brasil).

No sábado, 21, último dia do evento, será a vez de Sara Tavares, Ayo, Kriol Band com Jacob Desvarieux, Jowee Omicil, Hermani Almeida, Yissy Garcia, Boy G. Mendes Thierry Fanfant, Mario Canonge e Taffa

Tal como vem acontecendo nos últimos cinco anos, este evento musical acontece logo após o encerramento da Atlantic Music Expo (AME), considerada a maior feira musical transatlântica.

Nesta sexta edição, e ao longo de três dias, proporcionou a realização de workshops, conferências, showcases, daycases, one to one meetings, tendo como protagonistas artistas, produtores, especialistas musicais de diversas partes do mundo, bem como jornalistas de órgãos de comunicação social internacionais.

-0- PANA CS/IZ 20abril2018

20 Abril 2018 14:40:13


xhtml CSS