Cantora da Guiné Conakry laureada do Prémio Descobertas RFI de 2011

Dakar, Senegal (PANA) – Uma cantora guineense, Sia Tolno, ganhou o Prémio Descobertas RFI de 2011, anunciou um comunicado de imprensa da Rádio França Internacional (RFI) transmitido sexta-feira à noite à PANA em Dakar.

Segundo a mesma fonte, "o juri presidido por Richard Bona autorgou o Prémio Descobertas RFI de 2011 a Sia Tolno, primeira classificada dos finalistas à frente de Bongeziwe Mabandla (África do Sul) e Metzo Djatah (Senegal).

"Originária da Guiné Florestal, uma região no sul do país, Sia Tolno provém da aldeia de Kissi, na fronteira com a Serra Leoa e a Libéria. O seu pai era professor de francês na Serra Leoa. É neste país que a artista passou a sua infância e iniciou também os seus estudos", indica o texto.

Todavia, no in]icio da guerra civil, a família regressou à Guiné. Mais anglófona do que francófona, Yoino viveu este regresso como um exílio pois não conhecia realmente a Guiné, pois viveu muito tempo fora das suas fronteiras, lê-se no documento.

Segundo o comunicado, " já que tinha escrito e composto alguns títulos, a joven cantora chamou a atenção de um produtor em 2002. O seu primeiro álbum intitulado "A voz da floresta   foi lançado logo depois, o que lhe valeu um prémio, designadado Djembé d’or,   na categoria   de Melhor voz feminina do ano.

No entanto, a artista "foi realmente descoberta pelo grande público após a sua passagem, em 2008, num famoso programa Africa Star  em Libreville, no Gabão, onde terminou em quarto lugar.

É mesmo aí que um músico gabonês, Pierre Akendengué, a notou e levou consequentemente um seu amigo produtor, José Da Silva,  do rótulo Lusafrica, a assinar com a rapariga um primeiro contrato", sublinha o texto.

O texto acrescentou que, em 2009, foi lançado um álbum  designado Eh Sanga   (que significa o sofrimento na língua materna da artista)".

Em 2011, ela lança um outro álbum contendo o título "Odju Watcha" que "mistura as guitarras elétricas e a dinámica de um afro-funk pessoal. É cantado num criolo que mistura Kissi e Mendi", sublinha o comunicado.

-0- PANA SIL/TBM/CJB/DD    24set2011

24 Setembro 2011 18:40:31


xhtml CSS