Cantora cabo-verdiana atua na sede das Nações Unidas

Praia, Cabo Verde (PANA) – A cantora cabo-verdiana Isa Pereira vai atuar sexta-feira na cerimónia de encerramento da Assembleia de Verão da Juventude de 2014, a ter lugar na sede das Nações Unidas em Nova Iorque, que será transmitida em direto na internet, através da UN Web TV, soube a PANA, quarta-feira, de fonte segura.

Isa Pereira, de 40 anos, foi convidada a cantar no final do fórum que reúne jovens de todo o mundo pela Youth Summer Assembly at the United Nations e pela Friendship Ambassadors Foundation, uma agência de serviços culturais sem fins lucrativos e com filiação e representação internacionais.

Num comunicado, a cantora, que vive atualmente em Nova Iorque, disse ter ficado “emocionada por receber esta tão grandiosa honra que até me vem água aos olhos”.

Isa Pereira considera que “esta será uma experiência única” que irá aproveitar para fazer a divulgação da morna, género musical cabo-verdiano por excelência e que é atualmente candidata a Património Imaterial da Humanidade.

"Irei distribuir à plateia flyers com a letra de uma morna escrita em crioulo e a tradução da mesma em inglês, bem como uma explicação do que é a morna e da sua candidatura a Património Imaterial da Humanidade, fazendo uma contextualização do poder da diversidade Cultural, a solidariedade e desenvolvimento sustentável”, escreve a cantora.

Desde que passou a viver no ano passado nos Estados Unidos da América, Isa Pereira tem recebido muitos convites para atuar em espetáculos musicais de relevo.

Em março deste ano, a cantora foi selecionada para ingressar no Studio New York Vocal Coaching, uma conceituada escola de canto procurada por artistas da Broadway. No final de julho, celebrou o Dia da Mulher Africana em grande com um concerto no Babylon Soho Lounge.

Isa Iolanda Brito Pereira nasceu a 16 de agosto de 1974 em Lisboa (Portugal) de pais cabo-verdianos. Ela é licenciou-se em Relações Publicas pela Universidade Católica de Belo Horizonte, em Minas Gerais, no Brasil (1994 a 1998), onde durante a formação universitária cantava nos convívios entre amigos, colegas e professores.

A sua primeira aparição pública, depois do seu regresso a Cabo Verde, foi no Summer Stravaganza em julho de 1998, no Clube Náutico da Cidade da Praia, seguida de hotéis, do
Festival de Santa Maria (ilha do Sal-2001), do Festival da Baía das Gatas (ilha São Vicente-2003) e em vários espetáculos de cariz social e cultural na Assembleia Nacional, no Palácio da Cultura e no Auditório Nacional, na capital cabo-verdiana.

Para além do trabalho discográfico “Kriola EnKantu”, Isa Pereira participou com 2 temas na gravação dos CD pertencentes aos projectos da Embaixada de França em Cabo Verde- “Cap vers l’enfant II” (2001) e “Cap vers les autres” (2002), e em diversas gravações com outros artistas cabo-verdianos.

-0- PANA  CS/TON  06ago2014

06 Agosto 2014 14:52:08


xhtml CSS