Camarões abrem XV edição do encontro internacional do teatro

Yaoundé- Camarões (PANA) -- A XV edição do Encontro Internacional do Teatro de Yaoundé (RETIC) entrou sábado no seu segundo dia após a apresentação na abertura da peça "Le Vieux Nègre et le Médaille (O Velho Negro e a Medalha) pelo grupo Oshumare do Benin.
Além do Benin, diversos outros países estão representados nos RETIC, nomeadamente os Camarões com quatro grupos teatrais, o Congo, a Côte d'Ivoire, a França e o Gabão.
A peça que lançou os RETIC é uma adaptação da obra literária do Camaronês Ferdinand-Léopold Oyono, actual ministro da Cultura do seu país.
Segundo o realizador beninense Hermas Gbaguidi, este romance foi escolhido porque se adapta ao contexto actual.
Para ele, trata-se, através da sua representação, de levar os africanos a consciencializar-se de que são eles mesmos que devem preservar a sua dignidade e as suas riquezas culturais.

18 Novembro 2006 14:03:00


xhtml CSS