Cabo-verdiano aprovado como comissário da CEDEAO para Telecomunicações e TIC

Praia, Cabo Verde (PANA) – Um Cabo-verdiano, Isaías Barreto da Rosa, foi designado quinta-feira em Abidjan (Côte d'Ivoire) para ocupar o cargo de comissário para a área das Telecomunicações e Tecnologias da  Informação e da Comunicação da Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental (CEDEAO), apurou a PANA de fonte comunitária.

Aprovado pelo Conselho de Ministros da CEDEAO, o nome de Isaías Barreto da Rosa foi um dos três indicados por Cabo Verde para integrar a Comissão Executiva da organização sub-regional alargada de 12 para 15 membros, numa cimeira realizada entre 27 e 28 de fevereiro do ano passado, em Yamoussoukru (Côte d’Ivoire).

O académico cabo-verdiano vai precisamente ocupar o Comissariado atribuído a Cabo Verde na sequência do alargamento da Comissão Executiva, integrando assim um grupo de sete novos comissários, escolhidos entre os 21 candidatos nomeados e aprovados para serem submetidos ao Conselho de Ministros.

As suas nomeações ocorreram depois de uma entrevista feita por um Comité ministerial “ad hoc” formado por seis membros encarregues de preencher os cargos estatutários da Comissão Executiva da CEDEAO.

De acordo com uma nota da organização sub-regional oeste-africana, os recém-nomeados, que são esperados para assumir funções no próximo fevereiro, vão reforçar a atual Comissão, criada em 2007, formada por nove membros, dos quais um presidente, um vice-presidente e sete comissários.

Isaías Barreto da Rosa é pesquisador pós-doutorado, desde 2012, pela Universidade de Tallinn (Estónia), licenciado em Ciência da Computação pela Faculdade de Ciências, da Universidade de Lisboa (Portugal), mestre em Gestão em Desenvolvimento pela Escola de Gestão Euro-Árabe, Granada, Espanha.

Do vasto currículo académico do novo comissário, constam ainda um diploma de estudos avançados e um grau de doutor em Educação e Desenvolvimento Humano pela Universidade de Santiago de Compostela, na Espanha.

É instrutor essencial da Cisco para CCNA, pela Universidade de Inglaterra Central, Reino Unido, e Nelson Mandela Metropolitan University, na África do Sul.

Trabalhou também como desenvolvedor de Software para o centro de informações de problemas de estudos na Universidade Católica Portuguesa.

Foi responsável pela gestão de toda a infraestrutura da Universidade Jean Piaget de Cabo Verde, entre 2001 e 2006.

Atualmente coordena a Academia Regional Cisco (desde 2002) e dirige o laboratório de Educação Digital (desde 2007), na Universidade Jean Piaget de Cabo Verde.

Nesta sessão extraordinária, o Conselho de Ministros da CEDEAO aprovou ainda a nomeação do auditor financeiro da Comunidade entre os três candidatos entrevistados para o cargo, bem como os diretores-gerais e adjuntos para a Organização da Saúde da África Ocidental (OOAS), com sede em Ouagadougou (Burkina Faso) e do Grupo de Ação Intergovernamental contra o Branqueamento de Capitais na África Ocidental (GIABA), com sede em Dakar (Senegal).

-0- PANA CS/DD 24jan2014


24 Janeiro 2014 21:19:14


xhtml CSS