Cabo Verde reúne parceiros para implementar plano de energias renováveis

Praia, Cabo Verde (PANA) - A primeira reunião do diálogo setorial e de coordenação de parceiros em matéria de energias renováveis em Cabo Verde acontece esta terça-feira na cidade da Praia, apurou a PANA de fonte segura no local.

O fórum inscreve-se no âmbito da preparação da agenda e dos documentos de suporte para uma mesa redonda a realizar-se no segundo semestre de 2015, na referida cidade.

A reunião conta com a participação de parceiros internacionais, nomeadamente diretores gerais da Cooperação para o Desenvolvimento de Luxemburgo e da Comissão Europeia, representantes oficiais da União Europeia (UE), sediados em Cabo Verde.

Também estarão presentes no evento algumas instituições que têm apoiado o arquipélago cabo-verdiano no tocante às energias renováveis, nomeadamente o Banco Mundial, o Banco Africano de Desenvolvimento (BAD) e a Agência Internacional de Energia Renovável (IRENA).

De acordo com uma fonte da Direção Geral da Energia (DGE), nesta ocasião ser apresentado o Plano de Ação para as Energias Renováveis de Cabo Verde, recentemente aprovado, e se iniciará o processo de coordenação com parceiros relativamente aos apoios a prestar no mesmo quadro.

O encontro também se insere no âmbito da mesa redonda sobre as energias renováveis com Parceiros no Desenvolvimento de Cabo Verde, a realizar-se no segundo semestre deste ano, à margem da próxima reunião ministerial Cabo Verde-União Europeia, no quadro da Parceria Especial que liga as duas partes.

A DGE pretende ainda que durante este encontro, os participantes promovam uma abordagem integrada e sustentável de longo prazo para o desenvolvimento do setor das energias renováveis em Cabo Verde e identificar as áreas potenciais de cooperação, identificadas pelos parceiros no quadro do Plano de Acão sobre Energias Renováveis.

“Os recursos identificados pelos parceiros para garantir a implementação do Plano de Acão sobre Energias Renováveis, do Roteiro Estratégico para as Energias Renováveis definido e dum plano de ação para se desenvolver o setor de uma forma que permita ao país captar e maximizar todos os benefícios económicos e tecnológicos.

A este leque se juntam a formação das competências humanas técnicas e de gestão necessárias para sustentar o setor e a sua indústria associada bem como a promoção da investigação aplicada, entre outros assuntos a serem debatidos no encontro.

Trata-se também de um evento que se enquadra no programa de visita dos diretores-gerais da Cooperação para o Desenvolvimento de Luxemburgo e da Comissão Europeia a Cabo Verde, agendada para 14 a 16 de setembro corrente.

Esta missão a Cabo Verde acontece no âmbito da presidência rotativa luxemburguesa do Conselho da União Europeia, devendo os dois responsáveis visitar projetos financiados pela União Europeia e pelo Luxemburgo nas ilhas cabo-verdianas de Santiago e do Fogo.

-0- PANA CS/DD 15set2015



15 Setembro 2015 11:53:19


xhtml CSS