Cabo Verde negoceia novo acordo de pesca com União Europeia

Praia, Cabo Verde (PANA) – O Governo de Cabo Verde esta a negociar um novo acordo de pesca com a União Europeia (UE) para alguns reajustes, considerados necessários e benéficos para o país, declara o secretário de Estado cabo-verdiano adjunto para Economia Marítima, Paulo Veiga na cidade da Praia.

Em declarações à imprensa, segunda-feira, Veiga disse que “o posicionamento de Cabo Verde é que o acordo deve e tem de ser melhorado” e que o arquipélago Cabo Verde deve ganhar mais, ou seja, o setor das pescas tem que sentir mais os efeitos deste acordo”.

Os empresários do setor têm criticado os sucessivos acordos de pesca entre Cabo Verde e a UE por entenderem que estes colocam em causa os interesses das empresas nacionais e a própria classe.

Segundo o secretário de Estado adjunto para a Economia Marítima, as negociações têm em linha de conta as reivindicações dos armadores nacionais.

“Por exemplo, os armadores da pesca semi-industrial reclamam o acesso a algumas bancas de pesca onde os navios da União Europeia estão a pescar. Vamos estudar e ver, de acordo com a legislação, como é que isso se encaixa", afirmou Paulo Veiga.

Indicou que também a questão da captura acidental e da colocação de observadores a bordo de navios são outros pontos que estão em cima da mesa.

O atual acordo de pesca entre Cabo Verde e a União Europeia termina no final do ano de 2018, devendo então o novo documento ser firmado e aprovado ainda no decurso deste ano.

-0- PANA CS/DD 12junho2018

12 Junho 2018 14:09:35


xhtml CSS