Cabo Verde e Cuba reforçam cooperação na área da saúde

Praia, Cabo Verde (PANA) - O Presidente de Cabo Verde, Jorge Carlos Fonseca, e a vice-presidente do Conselho de Estado de Cuba, Mercedes López Acea, acabam de manifestar o desejo dos dois países de reforçarem a sua cooperação, com destaque para a área da saúde, apurou a PANA de fonte segura.

Em declaração à imprensa, após um encontro com a delegação cubana, encabeçada por Mercedes López Acea, que se encontra de visita ao país, Jorge Carlos Fonseca disse que "Cabo Verde continua a ter todo o interesse em manter, reforçar e alargar a cooperação com Cuba, "mesmo que tenhamos que reavaliar, repensar e recriar modalidades de cooperação”.

Jorge Carlos Fonseca sublinhou o "longo percurso de solidariedade" entre os dois países, que remonta aos dias da luta da Independência de Cabo Verde.

Considerou a cooperação cubana "muito relevante" para a construção do Estado de Cabo Verde.

A cooperação na área da saúde entre os dois países deverá ser "reponderada", ainda este ano, por ocasião de uma visita do ministro cabo-verdiano da Saúde e Segurança Social, Arlindo do Rosário, a Cuba, anunciou López Acea.

Também anunciou uma deslocação a Cuba do ministro cabo-verdiano dos Negócios Estrangeiros e Comunidades Cabo-verdianas, Luís Filipe Tavares.

Por sua vez, Mercedes López Acea manifestou a abertura de Cuba para rever a cooperação em matéria de saúde, nomeadamente na área de produção de medicamentos, e apontou a cultura, o turismo e a agricultura como outros campos para o reforço da parceria.

A vice-presidente do Conselho de Estado de Cuba lembrou que as relações entre os dois países foram forjadas pelo compromisso com a luta pela Independência e pela amizade entre os líderes históricos dos dois países, designadamente Amílcar Cabral (de Cabo Verde) e Fidel Castro (Cuba).

"Esse legado de luta pela defesa dos sonhos de independência e de desenvolvimento tem reflexo nas relações bilaterais entre os dois países. As relações bilaterais atravessam um momento favorável e estão de muito boa saúde", regozijou-se.

Mercedes López Acea agradeceu também o "apoio constante" de Cabo Verde a Cuba na defesa do fim do bloqueio dos Estados Unidos e reafirmou o "compromisso de desenvolver e fazer avançar" as relações históricas entre os dois países.

"Esta visita tem precisamente essa missão", disse.

Durante a visita dois dias a Cabo Verde, que se realiza no âmbito de um périplo africano, Mercedes López Acea manterá ainda encontros com o primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, o presidente da Assembleia Nacional, Jorge Santos, bem como com membros da comunidade cubana na cidade da Praia.

A cooperação entre Cabo Verde e Cuba na área da saúde remonta a 1976, tendo, desde então, passado pelo país centenas de médicos cubanos de praticamente todas as especialidades.

-0- PANA CS/DD 07fev2018

07 february 2018 12:11:12


xhtml CSS