Cabo Verde participa na 39ª conferência da FAO

Praia, Cabo Verde (PANA) – Uma delegação cabo-verdiana chefiada pela ministra do Desenvolvimento Rural, Eva Ortet, vai participar na 39ª conferência bianual da Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO) de 06 a 13 do mês em curso em Roma (Itália), soube a PANA, quarta-feira, na cidade da Praia de fonte oficial.

A anteceder o encontro, Eva Ortet vai participar de 04 a 05 de junho no Fórum Internacional sobre Agricultura, denominado "Expo Milão 2015 e mais além: Agricultura para alimentar o planeta".

Trata-se dum evento organizado pela FAO e que será “um espaço de debate e discussão sobre os desafios que a alimentação coloca a nível mundial, bem como as possíveis soluções que poderão ser adotadas”.

Paralela à conferência da FAO, os ministros dos Pequenos Estados Insulares em Desenvolvimento (SIDS), entre os quais Cabo Verde, vão também participar numa mesa redonda sobre os desafios específicos da segurança alimentar nesses países.

A conferência bianual da FAO, que vai contar com a participação de 130 ministros, 12 chefes de
Estado e vários representantes governamentais, vai analisar e aprovar o programa de trabalho e o orçamento da organização para os próximos dois anos.

Segundo uma fonte da organização, a reunião vai centrar-se na “coerência das questões políticas e nos marcos regulatórios globais que atuam normalmente com base nas recomendações dos Comités Técnicos e Conferências Regionais da FAO e no conselho da organização”.

O ponto alto da conferência será, de acordo com a fonte, a reeleição do director-geral da FAO para os próximos quatro anos, já que o Brasileiro José Graziano da Silva é o único candidato à sua própria sucessão.

Durante a reunião, Angola, Bolívia, China, Costa Rica, República Dominicana, Gabão, República Democrática Popular de Laos, Mali, Myanmar, Moçambique, Nepal, Omã, ilhas Salomão, Suriname e Uzbequistão serão reconhecidos por atingirem a meta do Objetivo de Desenvolvimento do Milénio (ODM) reduzindo para metade a proporção de pessoas que sofrem de fome crónica.

Segundo a fonte da FAO, dos 129 países monitorados pela organização 72 atingiram a meta do ODM referente à fome.

-0-  PANA  CS/TON  03junho2015

03 Junho 2015 14:42:41


xhtml CSS